22 de Março de 2016 / às 11:08 / em 2 anos

França reforça segurança em fronteiras e transportes após ataques em Bruxelas, diz ministro

PARIS (Reuters) - A França decidiu utilizar um contingente adicional de 1.600 policiais para reforçar a segurança nas fronteiras e no transporte público, na sequência das explosões mortais em Bruxelas nesta terça-feira, disse o ministro do Interior francês, Bernard Cazeneuve.

Ministro do Interior francês, Bernard Cazeneuve. 22/03/2016 REUTERS/Gonzalo Fuentes

Na região da grande Paris, um adicional de 400 homens reforçaram a segurança, e patrulhas militares serão reorientadas para locais de transporte público, disse o ministro, após uma reunião de emergência com o presidente, François Hollande.

Reportagem por James Regan

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below