29 de Março de 2016 / às 21:13 / em 2 anos

Brasil tem 944 casos confirmados de microcefalia e investiga outros 4.291

SÃO PAULO (Reuters) - O Brasil registrou 944 casos confirmados de microcefalia até 26 de março e investiga outros 4.291 casos suspeitos da doença ligada ao Zika vírus, informou o Ministério da Saúde nesta terça-feira.

Ianka Mikaelle Barbosa, 18 anos, posa com sua segunda filha, Sophia, que nasceu com microcefalia, em Campina Grande. 17 de fevereiro de 2016. REUTERS/Ricardo Moraes

No boletim anterior, divulgado na semana passada, o país tinha 907 casos confirmados de microcefalia e 4.293 sendo investigados.

Desde o início da investigação, em outubro de 2015, foram notificados 6.776 casos suspeitos de microcefalia, sendo que 1.541 foram descartados.

“A pasta considera que houve infecção pelo Zika na maior parte das mães que tiveram bebês com diagnóstico final de microcefalia”, disse o Ministério da Saúde em comunicado.

Até 26 de março, foram registradas 208 mortes (fetal ou neonatal) suspeitas de microcefalia e/ou alteração do sistema nervoso central após o parto ou durante a gestação, de acordo com o ministério.

O Zika vírus, transmitido pelo mosquito Aedes aegypti, foi declarado uma emergência global de saúde pública pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em 1º de fevereiro devido às suspeitas de ligação da infecção do vírus em grávidas com a microcefalia em recém-nascidos.

Por Tatiana Ramil

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below