4 de Maio de 2016 / às 14:37 / 2 anos atrás

Dilma diz que inquérito vai comprovar mentiras de Delcídio e pede apuração sobre vazamentos

BRASÍLIA (Reuters) - A presidente Dilma Rousseff rebateu com firmeza nesta quarta-feira as acusações feitas pelo senador Delcídio do Amaral (sem partido-MS) que serviram como base para pedido de abertura de inquérito da Procuradoria-Geral da República (PGR) ao STF para investigá-la por suspeita de obstrução da operação Lava Jato.

Dilma afirmou ainda, em declaração a jornalistas no Palácio do Planalto, que vai pedir à Advocacia-Geral da União (AGU) que solicite ao Supremo Tribunal Federal (STF) uma apuração sobre o vazamento do pedido de inquérito da PGR, que foi noticiado na noite de terça-feira.

“Tenho certeza que a abertura do inquérito vai demonstrar apenas que o senador (Delcídio) mais uma vez faltou com a verdade”, disse Dilma a repórteres.

Reportagem de Lisandra Paraguassu

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below