11 de Junho de 2016 / às 14:42 / em 2 anos

Apostas e pesquisas mostram aumento de chance de britânicos saírem da União Europeia

LONDRES (Reuters) - As apostas acerca das chances de os britânicos votarem pela saída ou não da União Europeia esquentaram neste sábado, depois que uma pesquisa de opinião apontou que a opção “sair” ganhou uma vantagem de dois dígitos sobre a de “permanecer”.

A possibilidade de a opção pela permanência do Reino Unido na UE vencer o referendo de 23 de junho caiu para 70 por cento, contra 78 por cento no início desta semana, de acordo com os cálculos da casa de apostas Betfair.

Foi uma resposta à publicação de uma pesquisa de opinião da ORB para o jornal The Independent divulgada na sexta-feira, mostrando o apoio à opção “sair” em 55 por cento, contra 45 por cento para “ficar”.

Os mercados financeiros têm acompanhado de perto as probabilidades apontadas pelas casas de apostas sobre o referendo, especialmente depois que a credibilidade das pesquisas de opinião sofreu um duro golpe ao não conseguirem prever a vitória eleitoral dos conservadores do primeiro-ministro britânico, David Cameron, no ano passado.

A pesquisa de sexta-feira mostrou a maior vantagem do grupo chamado de pró-Brexit (abreviação em inglês para saída britânica) desde que a série de consultas começou, há um ano, segundo o jornal The Independent. Mas a campanha oficial pelo “fora” reagiu com cautela, dizendo no Twitter: “Nós não acreditamos na pesquisa online da ORB, nossos dados sugerem que é mais perto de 50-50.”

A casa de apostas Ladbrokes disse que a pesquisa da ORB mudou as apostas pró-Brexit de 11/4 para 9/4.

“Pensamos que a corrida pró-Brexit tinha acabado, mas as chances do ”fora“ estão chamando a atenção novamente”, disse um porta-voz da Ladbrokes.

Questionado sobre a contradição entre as apostas e a pesquisa, ele disse que as primeiras refletem o peso do dinheiro no mercado.

A decisão dos britânicos sobre a possibilidade de deixar a maior área de livre comércio do mundo carrega implicações de longo prazo para a política, a economia, o comércio, a defesa e a imigração na Grã-Bretanha e no restante da UE.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below