11 de Junho de 2016 / às 16:21 / um ano atrás

Milhares protestam contra drones na base da Força Aérea dos EUA na Alemanha

BERLIM (Reuters) - Milhares de manifestantes formaram uma corrente humana ao longo do perímetro de uma base da força aérea dos EUA no sudoeste da Alemanha neste sábado, em protesto contra as operações de drones (aviões não tripulados) dos Estados Unidos.

A manifestação foi organizada pela aliança “Stop Ramstein - No Drone War”, que afirma que a base de Ramstein transmite informações entre os operadores nos Estados Unidos e as aeronaves não tripuladas em lugares como o Iraque, Afeganistão, Paquistão, Iêmen e Síria.

A polícia estimou que de 3 mil a 4 mil pessoas estavam reunidas perto da base, que serve de sede para a Forças Aéreas norte-americana na Europa. Os organizadores do protesto afirmaram que havia entre 5 mil e 7 mil pessoas. A base de Ramstein não divulgou nenhum comentário até agora.

O uso de drones é altamente controverso na Alemanha, onde uma aversão aos conflitos militares ganhou corpo desde a Segunda Guerra Mundial. Os organizadores dizem que permitir o tráfego de dados para o posicionamento de drones a partir de Ramstein vai contra a Constituição alemã e pedem o fechamento da estação retransmissora via satélite da base.

Quase 15 anos depois que um drone disparou mísseis pela primeira vez em combate, o programa militar dos EUA se expandiu e se tornou parte cotidiana da máquina de guerra para ações de vigilância e de ataque.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below