September 1, 2016 / 10:17 AM / 2 years ago

Ataques aéreos intensos atingem áreas tomadas por rebeldes na Síria

BEIRUTE (Reuters) - Pesados ataques aéreos atingiram áreas da província síria de Hama capturadas recentemente por insurgentes das mãos das forças do governo, à medida que Damasco contra-atacou nesta quinta-feira em uma região de importância estratégica para o presidente Bashar al-Assad.

Militantes do grupo jihadista Jund al-Aqsa vistos na província de Hama, Síria. 31/08/2016 REUTERS/Ammar Abdullah

O Observatório Sírio para os Direitos Humanos informou que ao menos 17 pessoas foram mortas em ataques aéreos durante a noite. A TV estatal síria relatou que a Força Aérea realizou “ataques concentrados” contra o que descreveu como terroristas na área, dizendo que dezenas deles foram mortos.

A ofensiva rebelde iniciada na terça-feira ameaça áreas populadas por cristãos e alauítas a leste das montanhas costeiras que são o coração do grupo alauíta, de Assad.

Os grupos rebeldes que participam incluem o jihadista Jund al-Aqsa e facções que lutam sob a bandeira do Exército Sírio Livre.

O Jaish al-Nasr, um dos grupos rebeldes, informou em comunicado divulgado durante a noite de quarta-feira que dois comandantes e três de seus militantes foram mortos durante confronto em Hama.

O Observatório relatou que 17 pessoas foram mortas em ataques aéreos que tinham como alvo uma rodovia entre a cidade de al-Latamenah e a província de Idlib, área no noroeste da Síria que está em maioria sob controle insurgente.

Por Tom Perry

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below