25 de Setembro de 2017 / às 13:40 / em um mês

Genro de Trump usou email pessoal para assuntos da Casa Branca, diz site Politico

WASHINGTON (Reuters) - Jared Kushner, o genro e conselheiro próximo do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, usou uma conta pessoal de email, além de sua conta oficial da Casa Branca, para trocar mensagens com outras autoridades de governo, revelou o site Politico no domingo.

Jared Kushner, genro e conselheiro do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, durante coletiva de imprensa, em Washington 17/03/2017 REUTERS/Jim Bourg

O Politico disse que os emails incluíram correspondências sobre cobertura midiática, planejamento de eventos e outros assuntos. O advogado de Kushner, Abbe Lowell, disse que seu cliente cumpriu as regras governamentais de manutenção de registros encaminhando todos os emails para sua conta oficial.

Durante a campanha eleitoral de 2016, o republicano Trump criticou duramente sua rival democrata Hillary Clinton pelo uso de um servidor de email pessoal para correspondências oficiais quando ela foi secretária de Estado do então presidente Barack Obama.

Mais tarde se determinou que algumas destas mensagens continham informações confidenciais.

Trump muitas vezes pediu a prisão de Hillary em comícios durante a campanha, e em outubro prometeu que ela “iria para a cadeia” devido ao fato se ele se tornasse presidente. Desde então Trump disse que não irá processá-la.

Segundo o Politico, outros assessores de primeiro escalão de Trump também usaram contas pessoas de emails, inclusive o ex-chefe de gabinete Reince Priebus, o ex-estrategista-chefe Steve Bannon e o conselheiro econômico Gary Cohn.

“O senhor Kushner usa seu endereço de email da Casa Branca para cuidar de assuntos da Casa Branca”, disse Lowell em um comunicado encaminhado ao Politico e a outras organizações de mídia, incluindo a Reuters.

“Menos de cem emails foram enviados ou respondidos pelo senhor Kushner a colegas da Casa Branca em sua conta pessoal de email entre janeiro e agosto”, afirmou seu advogado.

“Estes normalmente foram em resposta a notícias ou comentários políticos, e a maioria das vezes ocorreram quando alguém iniciou a comunicação enviando um email para seu endereço pessoal, ao invés daquele da Casa Branca”, disse o comunicado.

Muitos funcionários da Casa Branca utilizam celulares pessoais para se comunicarem com repórteres e outros por mensagem de texto.

Por Phil Stewart e Jeff Mason

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below