September 1, 2018 / 2:00 AM / 19 days ago

Ministro Fernandes dá 3º voto no TSE para barrar candidatura de Lula; placar está 3 a 1 contra petista

BRASÍLIA (Reuters) - O ministro Og Fernandes, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), deu o terceiro voto na noite desta sexta-feira para barrar a candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Simpatizantes do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva fazem vigília em frente da Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, onde o petista está preso 31/08/2018 REUTERS/Rodolfo Buhrer

Fernandes acompanhou os votos dos ministros Roberto Barroso, relator do processo, e Jorge Mussi. Até o momento, o único a votar para liberar a candidatura de Lula foi o ministro Edson Fachin.

Em seu voto, Fernandes citou vários trechos da manifestação apresentada anteriormente por Barroso para entender que Lula está inelegível. Ele destacou também que a recomendação do Comitê de Direitos Humanos da ONU de permitir o ex-presidente direitos políticos de participar da disputa não vincula o Brasil a acatá-lo, ao contrário da posição de Fachin.

O ministro Admar Gonzaga, próximo a votar, poderá dar o voto no qual vai se formar a maioria no TSE para rejeitar a candidatura de Lula.

Reportagem de Ricardo Brito

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below