September 24, 2018 / 5:52 PM / 24 days ago

Brasil precisa aproveitar bom momento da economia mundial, diz Alckmin

SÃO PAULO (Reuters) - O candidato do PSDB à Presidência, Geraldo Alckmin, disse nesta segunda-feira que o Brasil precisa aproveitar o bom momento da economia mundial para atrair investimentos e retomar a economia, ao mesmo tempo que fez a avaliação de que ainda há tempo para se recuperar na preferência do eleitorado e chegar ao segundo turno.

Candidato à Presidência pelo PSDB, Geraldo Alckmin, faz campanha em mercado popular no Rio de Janeiro 13/09/2018 REUTERS/Sergio Moraes

Após dar entrevista à rádio Bandeirantes, em São Paulo, Alckmin afirmou que as mudanças de voto acontecem na reta final da campanha. De acordo com pesquisa Datafolha, divulgada na quinta-feira, o tucano está estacionado com 9 por cento da preferência dos eleitores, muito distante dos dois primeiros colocados: Jair Bolsonaro (PSL), que tem 28 por cento, e Fernando Haddad (PT), que soma 16 por cento.

“É possível. Não sou eu quem estou dizendo. As últimas eleições mostraram claramente que as grande mudanças ocorrem mais ao final. Agora você tem intenção de voto, voto mesmo você vai ter na urna no dia 7”, disse Alckmin.

O tucano defendeu que o Brasil precisa atuar para atrair investimentos externos, se aproveitando do bom momento vivido pela economia global.

“O Brasil tem pressa. Precisamos aproveitar esse bom momento do mundo. Economia mundial deve crescer esse ano quase 4 por cento do PIB. Então, tem muito dinheiro. Nós precisamos trazer para o Brasil investimento para retomar o crescimento da economia”, afirmou.

O presidenciável do PSDB também voltou a defender uma simplificação tributária e uma reforma bancária, para elevar a competição no setor e incentivar outras formas de crédito.

Alckmin reiterou a defesa de uma mudança na Lei de Execuções Penais, com vistas a endurecer as penas de crimes hediondos, contra a vida e de organizações criminosas. Ao mesmo tempo, ele se posicionou favorável a penas alternativas para os crimes de menor grau ofensivo.

Por Eduardo Simões

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below