September 27, 2018 / 11:13 AM / in 2 months

IGP-M acelera alta a 1,52% em setembro pressionado por combustíveis no atacado, diz FGV

Consumidora passa por mercado no Rio de Janeiro 09/12/2015 REUTERS/Ricardo Moraes

SÃO PAULO (Reuters) - Os preços dos combustíveis no atacado aumentaram com força e o Índice Geral de Preços-Mercado (IGP-M) acelerou a alta a 1,52 por cento em setembro, de 0,70 por cento no mês anterior, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV) nesta quinta-feira.

O Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA), que responde por 60 por cento do índice geral e apura a variação dos preços no atacado, subiu 2,19 por cento em setembro depois de avanço de 1,00 por cento no mês anterior.

No IPA, os Bens Finais tiveram alta de 1 por cento, após queda de 0,12 por cento em agosto, pressionados principalmente pelo avanço de 8,21 por cento dos combustíveis para consumo, depois de variação positiva de 0,02 por cento antes.

Para o consumidor a pressão também aumentou, com o Índice de Preços ao Consumidor (IPC), que tem peso de 30 por cento no índice geral, subindo 0,28 por cento em setembro, de 0,05 por cento em agosto.

O grupo de Transportes teve a maior contribuição para o movimento do índice ao subir 0,59 por cento, ante variação negativa de 0,29 por cento em agosto.

Já o Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) desacelerou a alta a 0,17 por cento, contra avanço de 0,30 por cento em agosto.

O IGP-M é utilizado como referência para a correção de valores de contratos, como os de aluguel de imóveis.

Por Stéfani Inouye

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below