June 2, 2019 / 6:08 PM / in 6 months

Chefe do Pentágono diz não haver necessidade de restaurar exercícios militares dos EUA e Coreia do Sul

SEUL (Reuters) - O secretário interino de Defesa dos Estados Unidos, Patrick Shanahan, disse neste domingo que, por enquanto, não é necessário retomar os exercícios militares conjuntos com a Coreia do Sul, que foram suspensos no último ano para dar suporte aos esforços diplomáticos com a Coreia do Norte.

Os Estados Unidos e a Coreia do Sul suspenderam uma série de exercícios militares combinados no ano passado depois de conversas entre o presidente dos EUA, Donald Trump, e o líder norte-coreano, Kim Jong Un.

Entretanto, desde então as negociações entre os Estados Unidos e a Coreia do Norte estão paralisadas.

“Não acho que seja necessário”, disse Shanahan a repórteres que viajavam com ele para Seul quando questionado sobre como restaurar os exercícios.

Shanahan disse ter sido informado por altos líderes militares de que as tropas na península coreana tinham a prontidão militar necessária, apesar da suspensão dos exercícios.

“Eu quero ter certeza de que o plano que estabelecemos é suficiente”, disse Shanahan.

Ele acrescentou que teria mais a dizer depois de discussões na Coreia do Sul na segunda-feira. Ele se encontrará com seu colega sul-coreano e com o chefe das forças dos EUA na Coreia do Sul.

Trump pegou muitas autoridades dos EUA desprevenidas quando anunciou, após seu primeiro encontro com Kim no ano passado, que os Estados Unidos estavam suspendendo os exercícios militares conjuntos do verão com a Coreia do Sul.

Reportagem de Idrees Ali

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below