June 27, 2013 / 10:29 AM / 5 years ago

Portugueses fazem greve geral contra austeridade

LISBOA, 27 Jun (Reuters) - O transporte público em Portugal ficou praticamente paralisado, nesta quinta-feira devido à convocação de greve geral de um dia feita pelas duas maiores centrais sindicais do país contra as medidas de austeridade que resultaram em desemprego recorde e na pior situação econômica desde os anos 1970.

Manifestantes bloqueiam o trânsito durante greve geral em Lisboa, 27 de junho de 2013. O transporte público em Portugal ficou praticamente paralisado nesta quinta-feira devido à convocação de greve geral de um dia feita pelas duas maiores centrais sindicais do país contra as medidas de austeridade que resultaram em desemprego recorde e na pior situação econômica desde os anos 1970. 27/06/2013 REUTERS/Jose Manuel Ribeiro

As centrais esperam que a quarta greve geral em dois anos pressione o governo a tomar medidas de incentivo ao crescimento e a relaxar o aperto de cinto, que levou aos maiores aumentos de impostos vistos nos últimos anos.

Os trens não estavam funcionando, serviços de metrô e barcas pararam de operar em Lisboa e muitas linhas de ônibus estavam suspensas, o que forçou aqueles que decidiram ir trabalhar a buscar caminhos alternativos mais longos e que tinham menos ônibus à disposição.

A companhia aérea estatal TAP alertou sobre possíveis problemas em voos, mas não cancelou nenhuma partida.

Reportagem de Axel Bugge

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below