July 20, 2013 / 8:09 PM / 5 years ago

Presidente da Venezuela chama de "corrupto" premiê espanhol

CARACAS (Reuters) - O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, acusou neste sábado o primeiro-ministro espanhol, Mariano Rajoy, de “corrupto” e de financiar setores da oposição venezuelana.

A acusação ocorreu semanas depois de Maduro afirmar que avaliaria as relações diplomáticas com a Espanha após incidente com o presidente da Bolívia, Evo Morales.

Maduro, sucessor do falecido líder venezuelano Hugo Chávez, criticou o governo de Rajoy no começo de julho, pouco depois que Madri fechou seu espaço aéreo ao avião de Morales em meio a rumores de que escondia o fugitivo norte-americano Edward Snowden. Caracas classificou a decisão espanhola de “infame”.

“Vocês sabem que a corrupta classe política que governa a Espanha, muito corrupta, o senhor (Mariano) Rajoy, muito corrupto, é o padrinho político e braço financeiro da direita fascista venezuelana”, disse Maduro, que ratificou sua disposição a dar asilo a Snowden.

“Se este rapaz (Snowden) chegar a vir para a Venezuela, daremos asilo humanitário ao qual ele tem direito”, disse Maduro durante ato com militares venezuelanos transmitido pelo canal estatal VTV.

A Espanha afirmou no começo de julho que não há razões para pedir desculpas ao presidente da Bolívia pelo incidente e insistiu que não fechou seu espaço aéreo ao avião de Morales.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below