July 25, 2013 / 2:41 PM / 5 years ago

Político de oposição é assassinado a tiros na Tunísia

TÚNIS, 25 Jul (Reuters) - O político oposicionista tunisiano Mohamed Brahmi foi morto na quinta-feira em frente à sua casa, em Túnis, segundo um membro do seu Partido Popular, uma agremiação laica e nacionalista.

Brahmi era um crítico contumaz do governo de orientação islâmica, e participava da assembleia que prepara uma nova Constituição para o país, berço da onda de rebeliões conhecida como Primavera Árabe, em 2011.

“Ele foi baleado na frente da sua casa, quando estava com sua filha deficiente”, disse o correligionário Mohamed Nabki à Reuters. Os assassinos fugiram de moto.

Em fevereiro, o assassinato de outro político laico, Chokri Belaid, desencadeou a pior onda de violência na Tunísia desde a rebelião que derrubou o ditador Zine al-Abidine Ben Ali.

Reportagem de Tarek Amara

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below