August 15, 2013 / 3:03 PM / 5 years ago

Obama condena violência no Egito e cancela exercício militar conjunto

CHILMARK, Estados Unidos, 15 Ago (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, posicionou-se nesta quinta-feira contra a violência no Egito, condenou a ação repressiva das forças de segurança e anunciou que os EUA cancelaram exercícios militares conjuntos com o Egito marcados para o próximo mês.

O presidente dos EUA, Barack Obama, caminha após discursar sobre a violência no Egito em Martha's Vineyard, EUA. 15/08/2013 REUTERS/Larry Downing

“Os Estados Unidos condenam firmemente os passos que foram tomados pelo governo interino e as forças de segurança do Egito”, disse Obama, em pronunciamento feito em sua casa de férias em Massachusetts.

“Nós deploramos a violência contra civis. Nós apoiamos os direitos universais essenciais para a dignidade humana, incluindo o direito a protestos pacíficos.”

Reportagem de Steve Holland e Jeff Mason

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below