October 24, 2013 / 10:20 AM / 5 years ago

Líder do SPD alemão diz ser difícil acordo de livre comércio se EUA espionam

BERLIM, 24 Out (Reuters) - O líder do Partido Social-Democrata da Alemanha (SPD, na sigla em alemão), Sigmar Gabriel, disse nesta quinta-feira que seria difícil imaginar um acordo de livre comércio com os Estados Unidos caso Washington esteja infringindo os direitos e a privacidade dos cidadãos.

Líder do Partido Social Democrata (SPD) alemão, Sigmar Gabriel, ao sair de reunião sobre um governo de coalizão com partidos conservadores, em Berlim. Gabriel disse nesta quinta-feira que seria difícil imaginar um acordo de livre comércio com os Estados Unidos caso Washington esteja infringindo os direitos e a privacidade dos cidadãos. 23/10/2013. REUTERS/Fabrizio Bensch

A reação de Gabriel vem a seguir de informações recebidas por Berlim de que os EUA podem ter grampeado o celular da chanceler alemã, Angela Merkel, provocando indignação na Alemanha.

O SPD e os conservadores de Merkel estão em meio a negociações para formar um novo governo de coalizão.

Reportagem de Holger Hansen

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below