November 14, 2013 / 9:52 AM / 4 years ago

Decisão da Turquia sobre acordo de defesa com a China deve levar 6 meses

ISTAMBUL, 14 Nov (Reuters) - A decisão da Turquia sobre a coprodução de um sistema de defesa de mísseis de ar com uma empresa chinesa, sob sanções dos EUA, deve demorar ao menos seis meses, disse na quinta-feira uma autoridade importante da área de defesa.

A Turquia anunciou em setembro que escolheu a oferta chinesa diante das concorrentes franco-italiana Eurosam e da norte-americana Raytheon, provocando um alerta entre os países integrantes da Otan. Autoridades disseram, no entanto, que essa ainda não é uma decisão final.

“O nosso objetivo imediato é de cerca de seis meses para chegar a um nível razoável em nossas negociações contratuais (com a China) e para entender se é possível implementar este programa com a primeira opção”, disse a jornalistas o subsecretário para Indústrias de Defesa da Turquia, Murad Bayar.

Reportagem de Nick Tattersall e Can Sezer

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below