November 18, 2013 / 9:33 AM / 5 years ago

Bachelet triunfa em eleição presidencial no Chile, mas enfrentará 2º turno

SANTIAGO, 18 Nov (Reuters) - A candidata socialista Michelle Bachelet venceu com folga o primeiro turno da eleição presidencial de domingo no Chile, mas terá de disputar uma segunda rodada contra a adversária governista para confirmar a vitória.

Com nove candidatos na disputa, a votação ficou bastante dividida e Bachelet, que busca retornar à Presidência que ocupou de 2006 a 2010, ficou pouco abaixo dos 50 por cento necessários para vencer a eleição ainda no primeiro round.

Bachelet, que foi a primeira mulher presidente do país, recebeu pouco menos de 47 por cento dos votos. A segunda colocada Evelyn Matthei, da coalizão governista, ficou em segundo, com 25 por cento dos votos.

O segundo turno será realizado no dia 15 de dezembro.

Bachelet prometeu na campanha realizar um ambicioso programa de reformas tributária e da educação para combater a desigualdade no país, enquanto Matthei comprometeu-se a continuar com a maioria das políticas favoráveis ao mercado do atual governo do presidente Sebastián Piñera.

Bachelet prometeu realizar 50 reformas nos primeiros 100 dias de governo, se voltar ao poder.

A principal bandeira política é um aumento nos impostos corporativos de 20 por cento para 25 por cento para financiar reformas educacionais que incluem uma mudança gradual para o ensino superior gratuito.

Ela também quer reescrever a Constituição da época da ditadura.

(Por Rosalba O’Brien e Anthony Esposito)

(Tradução Redação Rio de Janeiro; 55 21 2223-7128))

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below