December 6, 2013 / 9:23 AM / 5 years ago

Grupo ligado à Al Qaeda assume autoria por ataque a ministério no Iêmen

SANAA, 6 Dez (Reuters) - Um grupo ligado à rede Al Qaeda assumiu a responsabilidade pelo ataque de quinta-feira contra o Ministério da Defesa do Iêmen que deixou 52 mortos, na pior ação de militantes em 18 meses.

Soldados gesticulam em uma rua que leva ao Ministério da Defesa enquanto fumaça se levanta após um ataque, em Sanaa. Um grupo ligado à rede Al Qaeda assumiu a responsabilidade pelo ataque de quinta-feira contra o Ministério da Defesa do Iêmen que deixou 52 mortos, na pior ação de militantes em 18 meses. 05/12/2013 REUTERS/Mohamed al-Sayaghi

“Em devoção à política de atingir salas de operação de aviões sem pilotos, os mujahideens (combatentes sagrados) atacaram com força uma dessas salas na sede do Ministério da Defesa”, disse Ansar al-Sharia (Partidários da lei Islâmica) em uma mensagem postada no Twitter, no início desta sexta-feira.

O grupo é ligado da Al Qaeda na Península Arábica.

Reportagem de Mahmoud Habboush

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below