January 11, 2014 / 4:17 PM / 4 years ago

Enviados ao Sudão do Sul negociarão cessar-fogo com líder rebelde

ADDIS ABABA, 11 Jan (Reuters) - Três enviados africanos se dirigiram ao Sudão do Sul neste sábado para tentar persuadir o líder rebelde Riek Machar a aceitar um acordo de cessar-fogo para encerrar os confrontos que deixaram o país mais jovem do mundo perto da guerra civil.

O chefe da delegação rebelde, Deng Gai, conversa com jornalistas durante as negociações do Sudão do Sul na capital da Etiópia, Addis Ababa. Três enviados africanos se dirigiram ao Sudão do Sul neste sábado para tentar persuadir o líder rebelde Riek Machar a aceitar um acordo de cessar-fogo para encerrar os confrontos que deixaram o país mais jovem do mundo perto da guerra civil. 08/01/2014 REUTERS/Tiksa Negeri

Mais de três semanas de combates entre as forças do presidente Salva Kiir e rebeldes leais ao ex-vice-presidente Machar resultaram na morte de mais de 1 mil pessoas, além de fazer com que 230 mil pessoas deixassem suas casas e forçou um corte na produção de petróleo.

O ministro da Informação de Kiir disse acreditar que o acordo de cessar-fogo, que os dois lados têm negociado em conversas cara-a-cara na vizinha Etiópia desde terça-feira, possa ser assinado assim que os enviados voltem a Addis Ababa.

“Os negociadores viajaram ao Sudão do Sul nesta manhã para se encontrar com Riek Machar. O objetivo é acelerar a assinatura de um acordo para encerrar as hostilidades”, disse à Reuters um diplomata próximo às negociações.

A localização de Machar não foi revelada por membros de sua delegação nas negociações em Addis Ababa. Fontes nas negociações dizem, porém, que ele está em uma cidade no Sudão do Sul na região arrasada por conflitos de Jonglei, próxima à fronteira com a Etiópia.

Uma cópia do esboço do acordo de cessar-fogo feita pelos mediadores prevê mecanismos de monitoramento para assegurar a implementação completa do acordo. O cessar-fogo tem sido impedido por exigências dos rebeldes para a libertação de 11 políticos aliados à Machar que estão detidos desde dezembro.

Por Aaron Maasho

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below