January 29, 2014 / 9:29 AM / 5 years ago

Obama alerta Congresso dividido de que agirá sozinho

Presidente dos EUA, Barack Obama, fotografado dentro do Salão Oval, na Casa Branca, na noite anterior ao dia em que ele fará o pronunciamento do Estado da Nação, em Washington. Obama vai apresentar uma estratégia para evitar o dividido Congresso e estimular a prosperidade da classe média no discurso sobre o Estado da União, nesta terça-feira, numa fala que vai refletir a diminuição das ambições no Legislativo depois de um ano difícil. 27/01/2014. REUTERS/Larry Downing

WASHINGTON, 29 Jan (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, prometeu na terça-feira passar ao largo de um Congresso dividido e adotar ele mesmo medidas para fortalecer a classe média do país, em seu discurso anual do Estado da União, que ele usou para tentar reanimar o segundo mandato depois de um ano turbulento.

Falando na Câmara dos Deputados perante parlamentares, membros da Suprema Corte e convidados importantes, Obama declarou sua independência do Congresso revelando uma série de ordens executivas e decisões, movimentos que devem inflamar as já tensas relações entre o presidente, do Partido Democrata, e os oposicionistas republicanos.

Por Steve Holland

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below