March 28, 2014 / 5:09 PM / in 4 years

Ucrânia aguarda parcela de 3 bilhões de dólares de empréstimo do FMI

KIEV, 28 Mar (Reuters) - O Fundo Monetário Internacional (FMI) e a Ucrânia estão discutindo a liberação de 3 bilhões de dólares como primeira parcela de um pacote de ajuda de 14 a 18 bilhões de dólares, disse o ministro das Finanças ucraniano nesta sexta-feira.

O acordo, anunciado na quinta-feira e que também irá disponibilizar créditos adicionais de um total de 27 bilhões de dólares, tem como objetivo ajudar a ex-república soviética altamente endividada a estabilizar sua economia depois de meses de distúrbios políticos.

“Eles (o FMI) estão prontos a conversar hoje sobre (liberar) uma primeira parcela de 3 bilhões de dólares, dos quais metade vai para o Banco Nacional e metade para o orçamento do Estado”, disse o ministro Oleksander Shlapak aos jornalistas à margem de uma reunião de governo.

Na noite de quinta-feira o Parlamento da Ucrânia aprovou uma lei anti-crise apoiando o programa de reformas do FMI que acompanha o pacote financeiro, e que o fundo diz ser necessário para colocar a economia nos trilhos e evitar um calote da dívida.

O acordo também está sujeito à aprovação da administração e do comitê executivo do FMI, que irão analisá-lo em abril.

As condições almejadas pelo FMI incluem permitir uma flutuação maior da moeda nacional, a grívnia, em relação ao dólar, aumentar o preço do gás para consumo doméstico, inspecionar as finanças do setor de energia e seguir uma política fiscal mais austera.

Por Pavel Polityuk

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below