March 29, 2014 / 6:28 PM / 5 years ago

Carro-bomba mata três soldados em posto do exército libanês

29 Mar (Reuters) - Um homem-bomba matou três soldados quando detonou um carro em um posto de controle do exército libanês na cidade fronteiriça de Arsal, neste sábado, disseram fontes de segurança libanesas.

Arsal é o lar de milhares de refugiados sírios, mas também de rebeldes sírios e de seus aliados libaneses que fugiram da guerra síria. Além dos três soldados mortos, outros três ficaram feridos, disseram fontes.

Militantes sunitas libaneses acusam o exército libanês de conspirar com forças leais ao presidente Bashar al-Assad e o grupo xiita libanês Hezbollah, que enviou combatentes para a Síria para apoiar Assad no combate à revolta sunita.

O ataque ocorreu apenas algumas horas depois do discurso do líder do Hezbollah, Sayyed Hassan Nasrallah, que disse que estava protegendo o Líbano lutando na Síria contra militantes sunitas.

Na quinta-feira, o exército libanês matou um sunita suspeito por fabricar bombas, invadindo sua casa em Arsal. Neste sábado, o exército fez mais ataques à cidade.

O Líbano tem sofrido ataques com o conflito sírio se espalhando para além da sua fronteira, aprofundando a rivalidade sectária no país, que sofreu a sua própria guerra civil 1975-1990.

Reportagem de Oliver Holmes

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below