2 de Agosto de 2017 / às 16:11 / em 4 meses

Pesquisa mostra Piñera com vantagem confortável em eleição presidencial do Chile

SANTIAGO (Reuters) - O candidato conservador à Presidência do Chile, Sebastián Piñera, mantém uma ampla vantagem nas intenções de voto para a eleição de novembro, indicou uma pesquisa nesta quarta-feira.

Entretanto, a oposição de esquerda está dividida entre dois candidatos de destaque que estão em um empate técnico, e é provável que Piñera enfrente um desafio mais difícil em um provável segundo turno em dezembro.

Quando questionados sobre quem gostariam que fosse o próximo presidente do Chile, 32 por cento dos entrevistados pela pesquisa mensal da GfK Adimark nomearam Piñera, que governou o país entre 2010 e 2014 e que é preferido pela comunidade empresarial por seu foco em propostas pró-crescimento econômico.

O número representa uma leve melhora ante o mês passado, mas ainda está longe dos 50 por cento necessários para evitar um segundo turno.

Beatriz Sánchez, candidata do bloco de esquerda Frente Ampla, foi escolhida por 17 por cento dos entrevistados, enquanto 16 por cento nomearam o candidato de centro-esquerda Alejandro Guillier.

Reportagem de Rosalba O'Brien

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below