6 de Novembro de 2017 / às 09:28 / um mês atrás

Homem armado deixa 26 mortos em igreja no Texas durante missa de domingo

SUTHERLAND SPRINGS, EUA (Reuters) - Um homem armado com uma metralhadora deixou ao menos 26 mortos e 20 feridos em uma igreja no Texas durante a missa de domingo, acrescentado o nome de Sutherland Springs à lista de comunidades norte-americanas abaladas por tiroteios em massa.

Moradores locais participam de vigília para vítimas de massacre em igreja em Sutherland Springs, no Texas 05/11/2017 REUTERS/Mohammad Khursheed

O massacre, que a mídia disse ter sido conduzido por um homem expulso da Força Aérea norte-americana por agredir sua mulher e filho, provavelmente renovará perguntas sobre o fato de alguém com um histórico de violência poderia acumular um arsenal de armas letais.

O homem armado, vestido de preto e usando um colete à prova de balas, dirigiu até à Primeira Igreja Batista em Sutherland Springs e abriu fogo dentro do prédio. Ele continuou atirando depois que entrou, matando ou ferindo vítimas com idades entre 5 e 72 anos, disse a polícia em coletiva de imprensa.

O presidente norte-americano, Donald Trump, disse a repórteres que o massacre foi devido a um “problema de saúde mental” e que não era “uma situação de armas”. Ele se pronunciou durante visita oficial ao Japão.

Entre os mortos está a filha de 14 anos do pastor Frank Pomeroy, disse a família a diversas emissoras de televisão.

O agressor foi mais tarde encontrado morto, aparentemente baleado, após fugir do local do crime.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below