25 de Novembro de 2017 / às 15:56 / em 16 dias

Visita de Evo Morales é adiada por procedimento de Temer

SÃO PAULO (Reuters) - A visita do presidente da Bolívia, Evo Morales, ao Brasil, prevista para ocorrer em Brasília na segunda-feira de manhã, foi adiada em virtude da determinação médica para que o presidente Michel Temer permaneça até segunda-feira no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, informou a Secretaria de Comunicação da Presidência da República.

“O governo brasileiro está em contato com as autoridades bolivianas para definição de uma nova data”, informou o breve comunicado.

Bolívia e Brasil podem, em breve, estreitar laços na área energética e a conversa dos presidentes de ambos os países deve girar em torno do assunto.

Reportagem da Reuters mostrou que a YPBF está cogitando entrar no mercado varejista de distribuição de gás natural do Brasil, que está abrindo o setor à competição, disse um executivo da estatal boliviana de gás na sexta-feira.

A Petrobras pretende limitar suas operações de transporte de gás natural e vender ativos como oleodutos na tentativa de reduzir o fardo da maior dívida de qualquer empresa de energia do mundo.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below