29 de Novembro de 2017 / às 11:38 / em 16 dias

Merkel diz que Alemanha precisa manter investimentos pró-crescimento e consolidação orçamentária

BERLIM (Reuters) - A chanceler da Alemanha, Angela Merkel, atualmente tentando formar um novo governo de coalizão após a eleição de setembro, disse nesta quarta-feira que a Alemanha precisa manter os custos não salariais abaixo de 40 por cento e enfatizou a importância da consolidação orçamentária.

Chanceler alemã, Angela Merkel, dá entrevista coletiva em Berlim 27/11/2017 REUTERS/Hannibal Hanschke

Falando em vídeo reproduzido em uma conferência de empregadores em Berlim, Merkel disse que “continua importante manter os custos não salariais abaixo do marco de 40 por cento”.

Merkel, que deve começar negociações de coalizão com o Partido Social Democrata da Alemanha (SPD) depois que tentativas de formar uma aliança de três partes com os liberais e os Verdes fracassaram, disse que durante as conversas futuras com o SPD, vai enfatizar que a Alemanha precisa permanecer em seu caminho de investimentos favoráveis ao crescimento e consolidação de orçamento.

Reportagem de Gernot Heller

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below