1 de Dezembro de 2017 / às 13:01 / em 11 dias

Kremlin diz entender razão de Parlamento russo querer banir mídia dos EUA

MOSCOU (Reuters) - O Kremlin disse nesta sexta-feira entender completamente a razão de a Câmara Baixa do Parlamento russo planejar discutir a proibição de representantes da mídia norte-americana em retaliação pelo que descreveu como maus-tratos dos Estados Unidos em relação à mídia russa.

Porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, participa de reunião no Kremlin em Moscou, Rússia 27/4/2017 REUTERS/Sergei Karpukhin

Parlamentares russos discutirão uma proposta para banir veículos de mídia norte-americanos de acessar a Câmara Baixa do Parlamento, disse o líder de um dos comitês da câmara nesta sexta-feira, segundo a agência de notícias RIA.

O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, disse a repórteres que o Kremlin entende porquê os parlamentares querem retaliar os Estados Unidos pela maneira como tratam a mídia russa.

Peskov disse que a mídia da Rússia foi submetida a ataques “revoltantes” nos Estados Unidos que violaram a liberdade de expressão.

Reportagem de Polina Nikolskaya

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below