April 19, 2018 / 5:01 PM / 5 months ago

Secretário do Tesouro dos EUA diz que governos vão cooperar sobre ativos venezuelanos

WASHINGTON (Reuters) - O secretário do Tesouro dos Estados Unidos, Steven Mnuchin, disse nesta quinta-feira que governos das Américas do Norte e do Sul e da Europa concordaram em aumentar a cooperação e compartilhar informações para impedir o acesso ao sistema financeiro internacional de autoridades venezuelanas “corruptas” e redes de apoio.

“Ações concretas são necessárias para restringir a capacidade de autoridades corruptas venezuelanas e suas redes de apoio de abusarem do sistema financeiro internacional”, disse Mnuchin em um comunicado divulgado após a reunião durante encontros do Fundo Monetário Internacional (FMI) e do Banco Mundial em Washington.

O encontro incluiu representantes de Argentina, Brasil, Canadá, Colômbia, França, Alemanha, Guatemala, Itália, Japão, México, Panamá, Paraguai, Peru, Espanha, Reino Unido e Estados Unidos, informou o Tesouro.

O ministro da Fazenda do Brasil, Eduardo Guardia, afirmou após o encontro que existe preocupação com a situação econômica e a questão humanitária da Venezuela, e que é preciso continuar monitorando o cenário do país.

Reportagem de David Lawder e Rodrigo Campos

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below