April 22, 2018 / 1:13 PM / 7 months ago

Ministros de Relações Exteriores do G7 discutem Rússia, sanções não estão na agenda

TORONTO (Reuters) - Ministros de Relações Exteriores dos países que compõem o G7 discutirão como manter pressão sobre a Rússia ao se reunirem neste domingo, mas sanções extras não estão na agenda, disseram autoridades.

Os ministros, em reunião de dois dias em Toronto, também revisarão os eventos recentes na península coreana, na Síria, no Oriente Médio e na Venezuela. As conversas, que devem ser concluídas na segunda-feira, ajudarão na preparação para a cúpula de líderes do G7 no Canadá, no início de junho.

O G7 é composto por Estados Unidos, Reino Unido, Canadá, Alemanha, França, Itália e Japão.

Na semana passada, o grupo condenou o que disse ter sido um ataque contra um agente russo no Reino Unido. Uma autoridade de um dos países do G7 disse que os ministros estavam profundamente preocupados com o que via como um padrão de mau comportamento da Rússia de vários anos.

A Rússia negou qualquer envolvimento no ataque.

Nações ocidentais impuseram um amplo conjunto de sanções contra Rússia nos últimos anos, após o país ter anexado a Crimeia, apoiado militantes operando no leste da Ucrânia e também o presidente sírio, Bashar al-Assad.

Reportagem adicional de David Ljunggren em Ottawa

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below