May 11, 2018 / 11:09 PM / in 6 months

Tropas israelenses matam palestino durante protesto na fronteira

Manifestantes palestinos reagem a gás disparado contra protesto em Gaza 11/5/2018 REUTERS/Mohammed Salem

GAZA (Reuters) - Tropas israelenses mataram um palestino e centenas de outros ficaram feridos nesta sexta-feira, disseram médicos palestinos, elevando a 44 o número de mortos durante protestos de seis semanas na fronteira entre Gaza e Israel.

Os protestos vão chegar a um clímax em 15 de maio, dia em que os palestinos chamam de “Nakb” ou “Catástrofe”, para marcar o deslocamento de centenas de milhares de palestinos no conflito que permeia a criação de Israel em 1948.

Organizadores do protesto, chamado de “Grande Marcha de Retorno”, disseram esperar dezenas de milhares de habitantes de Gaza em tendas de acampamento na fronteira nos próximos dias.

O homem morto estava protestando em Khan Younis, no sul de Gaza. Sete pessoas estavam em situação grave, incluindo uma de 16 anos que levou um tiro no rosto, disseram os médicos de Gaza.

De um total de 971 pessoas que precisam de atendimento, 176 foram atingidas por balas, eles disseram. Outros sofreram efeitos de gás lacrimogêneo ou foram atingidos por balas de borracha ou estilhaços.

Israel tem sido criticado por grupos de direitos humanos por sua resposta letal aos protestos.

Por Nidal al-Mughrabi; Reportagem adicional por Mustafa abu-Ghaneyeh

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below