June 15, 2018 / 3:05 PM / 6 months ago

Parlamento de Portugal legaliza medicamentos à base de maconha

Planta de maconha em Ontário, no Canadá 04/01/2018 REUTERS/Chris Wattie

LISBOA (Reuters) - O Parlamento de Portugal aprovou nesta sexta-feira um projeto de lei para legalizar medicamentos à base de maconha, após rejeitar propostas anteriores para permitir que pacientes plantassem a droga em casa.

Portugal descriminalizou o uso de todas as drogas em 2001 para combater uma epidemia de heroína e tem plantações legais de maconha para exportação. Entretanto, havia ficado atrás de outros países da União Europeia, como Itália e Alemanha, assim como do Canadá e partes dos Estados Unidos, em relação à maconha medicinal.

Apenas um partido, a legenda de centro-direita CDS-PP, se absteve da votação no Parlamento que legalizou a prescrição de remédios à base de maconha para tratar dores crônicas, transtorno de estresse pós-traumático, efeitos colaterais do tratamento de câncer e outras doenças.

O projeto de lei agora irá para a sanção do presidente Marcelo Rebelo de Souza.

Reportagem de Andrei Khalip

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below