June 26, 2018 / 4:44 PM / 6 months ago

Câmara dos Deputados dos EUA irá votar projeto de lei de republicanos sobre imigração na 4ª-feira

Presidente da Câmara do Deputados dos EUA, Paul Ryan 21/06/2018 REUTERS/Aaron P. Bernstein

WASHINGTON (Reuters) - A Câmara dos Deputados dos Estados Unidos irá votar na quarta-feira um amplo projeto de lei sobre imigração que proíbe a separação de crianças imigrantes de seus pais na fronteira do país, disse o presidente da Câmara, Paul Ryan, nesta terça-feira.

“Nós abordamos isso no projeto de lei que vamos levar a plenário na quarta-feira. Nós deixamos extremamente claro que queremos manter as famílias juntas e que queremos proteger a fronteira e fazer com que nossas leis sejam cumpridas”, disse Ryan, um republicano, em entrevista coletiva.

O presidente da Câmara disse que não descarta a possibilidade de apresentar um projeto de lei mais específico abordando somente a detenção de famílias imigrantes caso o projeto mais amplo não seja aprovado.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, tem enfrentado reprovação global devido à separação de crianças de seus pais na fronteira do país com o México, que começou devido à política do governo de processar todas as pessoas que cruzam a fronteira ilegalmente. Na semana passada, Trump cedeu a pressão e emitiu um decreto para pôr fim às separações de famílias.

O governo Trump, entretanto, pediu que o Congresso aprove uma solução permanente.

O governo ainda precisa reunir mais de 2 mil crianças com seus pais, e não ficou claro como irá abrigar milhares de famílias enquanto seus pais estão sendo processados.

Embora o governo tenha dito que a política de “tolerância zero” continua em vigor, autoridades admitiram na segunda-feira que pais que cruzarem a fronteira com seus filhos não serão processados por enquanto porque o governo não tem espaço para abrigá-los.

Embora os republicanos controlem as duas câmaras do Congresso, desentendimentos entre moderados e conservadores quanto às questões imigratórias abalaram as perspectivas de uma solução legislativa rápida para a crise na fronteira. Na semana passada, um projeto de lei apoiado pelos conservadores não conseguiu ser aprovado na Câmara.

Paul Ryan descreveu o novo projeto de lei mais amplo como uma tentativa de solucionar o “o falido sistema imigratório” ao resolver a questão de jovens adultos que foram levados ilegalmente aos Estados Unidos quando crianças, focar em um sistema de imigração baseado em mérito e proteger as fronteiras e o cumprimento da lei dos Estados Unidos.

Reportagem de Amanda Becker e Susan Cornwell

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below