July 2, 2018 / 6:41 PM / in 5 months

Premiê britânica quer futuro relacionamento aduaneiro com UE até fim de 2020

Primeira-ministra birtânica, Theresa May, fala a jornalistas em Bruxelas 28/06/2018 REUTERS/Yves Herman

LONDRES (Reuters) - A primeira-ministra inglesa Theresa May disse nesta segunda-feira que quer um futuro relacionamento aduaneiro com a União Europeia em vigor até o fim de 2020, para que um arranjo para a fronteira entre o norte e o sul da Irlanda não seja necessário.

Antes de uma reunião de ministros do Reino Unido na próxima sexta-feira, a mídia noticiou que autoridades tinham esboçado uma nova opção para lidar com a questão aduaneira com a UE.

“Eu tenho muito claro que nós devemos fazer tudo que podemos para garantir que ao fim de dezembro de 2020, possamos ver nossa futura relação aduaneira em vigor para que um acordo ‘backstop’ não seja necessário”, disse ela ao Parlamento.

Esse acordo manteria a Irlanda do Norte, que é parte do Reino Unido, na união aduaneira e no mercado único da União Europeia.

May também reiterou que manter o Reino Unido na Área Econômica Europeia após o Brexit não era uma opção sendo considerada pelo governo.

Por James Davey

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below