July 4, 2018 / 11:38 PM / in 4 months

No feriado de 4 de Julho, EUA celebram vida, liberdade e a busca por cachorros-quentes

NOVA YORK (Reuters) - Norte-americanos celebraram o aniversário de 242 anos da independência dos Estados Unidos nesta quarta-feira, com shows, paradas e exibições vorazes de destreza para comer cachorros-quentes em Nova York.

Chestnut na competição de cachorros-quentes 4/7/2017 REUTERS/Andrew Kelly

Na Casa Branca, o presidente Donald Trump planejou sediar um piquenique para famílias militares no Jardim Sul durante a tarde, poucas horas antes de fogos estarem programados para iluminar o parque National Mall.

Festividades do Dia de Independência marcadas em Washington incluíam um concerto da Orquestra Sinfônica Nacional no jardim do Capitólio. O cantor Jimmy Buffett, de “Margaritaville”, The Temptations, The Beach Boys e Luke Combs também se apresentariam.

O feriado de 4 de Julho marca a adoção da Declaração de Independência por delegados congressionais na Filadélfia em 4 de julho de 1776. O documento declarou a independência do jovem país do Reino Unido e avançou o princípio de que “todos os homens são criados iguais” e possuem “certos direitos inalienáveis”, incluindo “vida, liberdade e a busca pela felicidade”.

Mais de dois séculos depois, no entanto, foi a busca por cachorros-quentes que definiu o feriado em Coney Island, no distrito do Brooklyn, Nova York, onde a Nathan’s Famous realizou seu 46º concurso anual de comer cachorros-quentes.

Joey Chestnut mais uma vez dominou o espetáculo de alimentação competitiva. O californiano de 34 anos venceu seu 11º “Cinturão de Mostarda” ao comer incríveis 74 salsichas – superando o recorde de 72 que estabeleceu no ano passado.

Na divisão feminina, Miki Sudo, de 32 anos e moradora de Las Vegas, venceu seu quinto título ao comer 37 cachorros-quentes.

O calor e umidade pairaram sobre a competição, assim como sobre grande parte do país. O Serviço Meteorológico Nacional emitiu alertas de calor para os Estados no sentido leste da região do Meio Atlântico. Temperaturas eram esperadas para estar na casa dos 30 graus Celsius, com sensação de 40 a 43 graus por conta da umidade.

Em um dia em que várias paradas patrióticas são feitas nacionalmente, o grupo pró-controle de armas Moms Demand Action (Mães Exigem Ação) realizou diversas manifestações ao redor do país, incluindo uma em Webster Groves, Missouri, onde a senadora democrata Claire McCaskill se juntou ao grupo.

“Estava quente! Mas incrível”, disse McCaskill no Twitter.

Nova York estava se preparando para uma queima de fogos à noite que se classifica como a maior do país

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below