July 5, 2018 / 10:24 AM / 4 months ago

Kremlin diz que ofereceu ajuda em investigação de ataque em Salisbury, mas oferta foi rejeitada

Hospital de Salisbury 10/04/2018 REUTERS/Peter Nicholls

MOSCOU (Reuters) - O Kremlin disse nesta quinta-feira que ofereceu assistência ao Reino Unido para investigar um ataque com agente nervoso contra um ex-espião russo e sua filha na cidade britânica de Salisbury em março, mas a oferta foi rejeitada pelo Reino Unido.

Moscou estava respondendo a comentários do ministro de Segurança do Reino Unido, Ben Wallace, que mais cedo nesta quinta-feira pediu que a Rússia fornecesse detalhes sobre o ataque com o agente nervoso Novichok contra o ex-espião, depois que dois cidadãos britânicos foram envenenados pela mesma substância esta semana.

Reportagem de Andrew Osborn e Polina Nikolskaya

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below