July 19, 2018 / 10:54 AM / 3 months ago

Reino Unido identificou russos suspeitos de ataque contra ex-espião Skripal, diz Press Association

LONDRES (Reuters) - A polícia britânica identificou diversos russos que estariam por trás do ataque com um agente nervoso contra o ex-agente duplo Sergei Skripal e sua filha, reportou a Press Association nesta quinta-feira, citando uma fonte com conhecimento da investigação.

Policiais isolam área perto de casa do ex-espião russo Sergei Skripal em Salisbury, no Reino Unido 03/04/2018 REUTERS/Hannah McKay

Skripal, ex-coronel do serviço de inteligência militar russo que entregou diversos agentes russos para o serviço internacional de espionagem britânico, o MI6, e sua filha Yulia, foram encontrados inconscientes em um banco público na cidade de Salisbury, na Inglaterra, no dia 4 de março.

Após analisar imagens de câmeras de segurança, a polícia britânica acredita que diversos russos estão envolvidos no ataque contra os Skripals, que passaram semanas hospitalizados antes de serem enviados para uma localização secreta, segundo a Press Association.

“Investigadores acreditam ter identificado os supostos autores do ataque com Novichok”, disse a fonte não identificada em referência ao agente nervoso utilizado contra o ex-espião, de acordo com a agência.

“Eles (os investigadores) têm certeza que eles (os suspeitos) são russos”, acrescentou.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below