July 23, 2018 / 11:13 AM / 2 months ago

Maioria de turcos estão bem integrados na Alemanha, diz governo após comentário de Ozil sobre racismo

BERLIM (Reuters) - A maior parte das cerca de 3 milhões de pessoas com origem turca que vivem na Alemanha estão bem integradas, disse uma porta-voz da chanceler alemã, Angela Merkel, nesta segunda-feira, depois que o astro do futebol alemão Mesut Ozil anunciou sua aposentadoria da seleção do país citando caso de racismo.

Mesut Ozil durante partida da seleção da Alemanha na Copa do Mundo da Rússia 27/06/2018 REUTERS/Michael Dalder

A porta-voz destacou que pessoas de origem migrante são bem-vindas na Alemanha e acrescentou que Merkel valoriza Ozil.

A porta-voz, que descreveu o meia alemão como um ótimo jogador de futebol que fez muito pela seleção, disse que Merkel respeita a decisão de Ozil de deixar o time.

No domingo, o jogador anunciou sua aposentadoria do futebol de seleções com efeito imediato, alegando o que considerou ser uma discriminação injusta em torno de seu encontro com o presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, em maio.

Ozil, de 29 anos, integrou a seleção alemã que foi eliminada na fase de grupos da Copa do Mundo na Rússia e foi alvo de críticas por suas atuações, bem como por seu encontro com Erdogan, acusado de violações de direitos humanos.

Reportagem de Michelle Martin e Riham Alkousaa

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below