July 30, 2018 / 8:27 PM / 4 months ago

Bombeiros começam a controlar incêndio florestal na Califórnia; seis pessoas morrem

Bombeiro observa incêndio na Califórnia 27/07/2018 REUTERS/Fred Greaves

REDDING, Califórnia (Reuters) - Bombeiros da Califórnia estavam conseguindo ganhar terreno nesta segunda-feira sobre um incêndio florestal de grandes proporções que matou seis pessoas e destruiu centenas de casas e imóveis comerciais, enquanto equipes de resgaste buscam por ao menos sete pessoas que estão desaparecidas.

O incêndio Carr começou há uma semana nos arredores de Redding, cerca de 240 quilômetros ao norte de Sacramento e dobrou de tamanho ao longo do fim de semana, pegando uma área do tamanho de Denver e forçando 38 mil pessoas a deixarem suas casas. Dois bombeiros, uma mulher de 70 anos e seus dois netos estão entre os mortos.

A Califórnia está sofrendo o impacto de uma série extrema de incêndios florestais ao longo do Oeste dos EUA, com ventos erráticos e temperaturas recordes desencadeando incêndios que queimaram cerca de 165 mil hectares no Estado, o maior nível até agora no ano em uma década.

“Eu sou um antigo morador dessa comunidade e eu nunca vi um incêndio com tanta destruição nessa área até hoje”, disse o supervisor do condado de Shasta, Leonard Moty, sobre o incêndio Carr durante uma coletiva de imprensa.

Cerca de 3.400 bombeiros que lutam contra o incêndio Carr começavam a controlá-lo, segundo o Departamento de Florestas e Proteção contra Incêndios da Califórnia (CalFire).

Por Bob Strong; reportagem adicional de JonathanAllen e Gina Cherelus em Nova York e Andrew Hay em NovoMéxico

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below