August 2, 2018 / 4:17 PM / 3 months ago

Israel e Jordânia matam combatentes do Estado Islâmico expulsos da Síria

Soldado israelense alerta sírios que se aproximavam da fronteira Síria-Israel nas ocupadas Colinas de Golã 17/07/2018 REUTERS/Ronen Zvulun

JERUSALÉM/AMÃ (Reuters) - Israel e a Jordânia comunicaram nesta quinta-feira que suas forças mataram insurgentes do Estado Islâmico que se aproximaram de suas fronteiras depois de serem expulsos do sudoeste da Síria pelo Exército do presidente sírio, Bashar al-Assad.

Reconhecendo seus avanços no campo de batalha, Israel descreveu a vitória de Assad – que realiza uma última ofensiva para restaurar seu comando depois de mais de sete anos de guerra civil – como um fato consumado que pode acalmar as Colinas de Golã.

A região estratégica divide Israel e Síria, antigos inimigos, e vivenciou um impasse estável durante décadas antes da rebelião síria.

Enquanto isso, em uma grande mudança no quadro anterior ao conflito iniciado em 2011, a polícia militar russa começou a se mobilizar na parte de Golã sob controle sírio e planeja montar oito postos de observação na área, informou o Ministério da Defesa em Moscou.

Depois de semanas de bombardeio intenso da Rússia, forças sírias tomaram as ricas terras de cultivo pelas quais flui o Rio Yarmouk, que chegaram a ser controladas por um grupo filiado ao Estado Islâmico conhecido como Exército Khaled Bin Walid.

Os militares israelenses disseram ter realizado um ataque aéreo em Golã na noite de quarta-feira, matando sete insurgentes que acreditam pertencerem ao Exército Khaled Bin Walid e que se encaminhavam para atacar um alvo de Israel.

Separadamente, os militares da Jordânia disseram ter confrontado combatentes invasores do Exército Khaled Bin Walid durante 24 horas entre terça e quarta-feira, matando um número não especificado deles.

“Aplicamos as regras de combate, e membros da gangue Daesh (Estado Islâmico) foram forçados a recuar para a Síria”, disse uma fonte do Exército à agência estatal de notícias jordaniana Petra.

Tradução Redação São Paulo, 5511 56447759 REUTERS ES

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below