August 3, 2018 / 12:39 PM / 2 months ago

Chanceler do Irã diz que China é "fundamental" para salvar acordo nuclear

CINGAPURA (Reuters) - O ministro de Relações Exteriores do Irã disse nesta sexta-feira que a China é “fundamental” para salvar um acordo nuclear multilateral com Teerã depois que os Estados Unidos se retiraram do tratado no início deste ano.

Ministro de Relações Exteriores do Irã, Mohammad Javad Zarif, em Bruxelas, na Bélgica 15/05/2018 REUTERS/François Lenoir

Em maio, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, retirou Washington do acordo, sob o qual sanções internacionais contra Teerã foram suspensas em troca de reduções no programa nuclear iraniano.

Entretanto, Trump ordenou a imposição de sanções contra Teerã, e uma autoridade graduada do Departamento de Estado norte-americano disse que Washington orientou seus aliados a cortar as importações de petróleo iraniano até novembro. O Irã e outros signatários, incluindo a China, têm tentado preservar o acordo.

“O papel da China na implementação do JCPOA, na concretização do JCPOA, e agora na sustentação do JCPOA, será fundamental”, disse Mohammad Javad Zarif, em referência ao nome técnico do acordo nuclear.

Reportagem de Christian Shepherd

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below