August 3, 2018 / 12:39 PM / 4 months ago

Chanceler do Irã diz que China é "fundamental" para salvar acordo nuclear

Ministro de Relações Exteriores do Irã, Mohammad Javad Zarif, em Bruxelas, na Bélgica 15/05/2018 REUTERS/François Lenoir

CINGAPURA (Reuters) - O ministro de Relações Exteriores do Irã disse nesta sexta-feira que a China é “fundamental” para salvar um acordo nuclear multilateral com Teerã depois que os Estados Unidos se retiraram do tratado no início deste ano.

Em maio, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, retirou Washington do acordo, sob o qual sanções internacionais contra Teerã foram suspensas em troca de reduções no programa nuclear iraniano.

Entretanto, Trump ordenou a imposição de sanções contra Teerã, e uma autoridade graduada do Departamento de Estado norte-americano disse que Washington orientou seus aliados a cortar as importações de petróleo iraniano até novembro. O Irã e outros signatários, incluindo a China, têm tentado preservar o acordo.

“O papel da China na implementação do JCPOA, na concretização do JCPOA, e agora na sustentação do JCPOA, será fundamental”, disse Mohammad Javad Zarif, em referência ao nome técnico do acordo nuclear.

Reportagem de Christian Shepherd

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below