August 4, 2018 / 2:03 PM / 2 months ago

Ações dos EUA em relação ao pastor Brunson desrespeitam a Turquia, diz Erdogan

ISTAMBUL (Reuters) - As medidas tomadas pelos Estados Unidos sobre o pastor Andrew Brunson não eram adequadas para um parceiro estratégico e desrespeitavam a Turquia, disse neste sábado o presidente turco, Tayyip Erdogan.

Presidente da Turquia, Tayyip Erdogan. 15/072018. REUTERS/Umit Bektas

Washington impôs nesta semana sanções a dois ministros turcos sobre o caso de Andrew Brunson, um pastor norte-americano em julgamento na Turquia, acusado de apoiar o terrorismo.

Falando à ala feminina de seu Partido AK, Erdogan disse que ordenou que os bens na Turquia pertencentes aos ministros do Interior e da Justiça do EUA fossem congelados “se eles tiverem algum”.

Reportagem de Ali Kucukgocmen

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below