March 9, 2019 / 3:06 PM / in 6 months

Babás se juntam a protestos de "coletes amarelos" em Paris

PARIS (Reuters) - Centenas de manifestantes “colete-amarelos” começaram passeatas em Paris, neste sábado, marcando o 17º fim de semana seguido de protestos contra o governo, apesar de tentativas do presidente francês, Emmanuel Macron, de controlar a insatisfação com uma série de debates ao redor do país.

Manifestantes usando o colete de alta visibilidade, que se tornou símbolo do movimento, receberam a companhia de outros, vestidos de rosa, à medida em que babás apareceram contra uma reforma que afetaria o subsídio ao seu desemprego. 

Outros encontros foram planejados no sábado em várias cidades francesas, como Bordeaux e Toulouse, assim como em locais menores, como Puy-en-Velay, no sul. 

Alguns manifestantes fizeram um “flashmob” no aeroporto parisiense Charles de Gaule, tremulando bandeiras da França e dançando em um dos terminais, mostraram imagens da emissora BFM TV. 

O que começou no último mês de novembro como críticas contra o plano de Macron de aumentar o imposto do combustível —parte da sua busca por um modelo de energia mais limpo— transformou-se em um movimento mais amplo contra um governo considerado descolado das dificuldades pelas quais algumas famílias e trabalhadores de baixa renda passam. 

A presença nas manifestações tem caído das quase 300.000 pessoas nos bloqueios às estradas e passeatas ao redor da França em 17 de novembro, para 46.600 no último sábado, de acordo com o Ministério do Interior. 

Reportagem de Sarah White

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below