September 20, 2019 / 9:58 PM / a month ago

Batalha política nos EUA se intensifica com denúncia sobre Trump

Por Jonathan Landay e Aram Roston

20/09/2019 REUTERS/Jonathan Ernst

WASHINGTON (Reuters) - Uma batalha política a respeito de uma denúncia sobre o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, intensificou-se nesta sexta-feira, com os democratas alertando sobre uma ameaça à segurança nacional e os republicanos transformando-a em um ataque a Joe Biden, um dos principais rivais políticos de Trump.

Trump classificou como um golpe partidário contra ele a alegação de um delator de dentro da comunidade de inteligência - relatada por várias organizações de notícias dos EUA - envolvendo as comunicações do presidente republicano com um líder estrangeiro.

A alegação de 12 de setembro foi centrada na Ucrânia, informou o Washington Post.

A Reuters não confirmou detalhes da denúncia. Mas uma fonte familiarizada com o assunto disse que se trata de “múltiplos atos” de Trump, não apenas um telefonema com um líder estrangeiro. A fonte solicitou anonimato devido à sensibilidade da questão.

Trump conversou com o presidente eleito recentemente da Ucrânia, Volodymyr Zelenskiy, menos de três semanas antes de a denúncia ser apresentada. Trump deve se encontrar com Zelenskiy durante reunião da Organização das Nações Unidas em Nova York.

A ligação de 25 de julho entre os líderes está sob investigação de três comitês liderados pelos democratas, que querem saber se Trump e seu advogado pessoal, Rudolph Giuliani, tentaram pressionar o governo ucraniano a ajudar na campanha de reeleição de Trump.

Giuliani disse à CNN na quinta-feira que pediu ao governo ucraniano que investigasse Hunter Biden, filho do ex-vice-presidente Biden, que está à frente no campo democrata para desafiar Trump nas eleições presidenciais de 2020.

Giuliani alegou que, como vice-presidente, Biden buscou a demissão de um promotor ucraniano que estava investigando os negócios de seu filho. Biden e seu filho negaram a acusação.

“Ninguém deu qualquer credibilidade para isso (acusação de Trump), ninguém. Por isso, não tenho nenhum comentário além de pedir ao presidente para começar a ser presidente”, disse Biden a jornalistas.

Reportagem adicional de David Morgan

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below