September 23, 2019 / 5:23 PM / 22 days ago

Grupo de Lima diz ter intenção de impor sanções contra Maduro para forçar saída

Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, durante protesto contra sanções dos EUA à Venezuela, em Caracas 10/08/2019 REUTERS/Manaure Quintero

NAÇÕES UNIDAS (Reuters) - O Grupo de Lima, formado por países da América Latina, expressou nesta segunda-feira sua disposição de implementar sanções contra a Venezuela para forçar a saída do presidente Nicolás Maduro sem precisar recorrer ao uso da força, segundo comunicado conjunto.

Reportagem de Luc Cohen

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below