February 4, 2020 / 2:27 PM / 4 months ago

Você não me intimidará, diz Bloomberg a Trump

FRESNO, EUA (Reuters) - O pré-candidato democrata à Presidência dos Estados Unidos Michael Bloomberg prometeu na segunda-feira que não deixará o presidente norte-americano Donald Trump intimidá-lo agora que a guerra de palavras entre os dois magnatas de Nova York e rivais políticos se tornou mais virulenta.

Pré-candidato democrata à Presidência dos EUA Michael Bloomberg durante evento de campanha em Compton, na Califórnia 03/02/2020 REUTERS/Andrew Cullen

Em uma entrevista a Sean Hannity, da Fox News Channel, exibida no domingo, Trump disse que Bloomberg, que tem cerca de 1,73 metro de altura, pediu um caixote para ficar de pé durante os debates democratas – o presidente tem 1,91 metro.

A cutucada veio depois que o Comitê Nacional Democrata (DNC) descartou na semana passada uma regra que exigia que os pré-candidatos atingissem um patamar de doações populares, abrindo a porta para Bloomberg participar de um debate no dia 19 de fevereiro em Nevada.

Uma pesquisa Reuters/Ipsos divulgada na quinta-feira mostrou Bloomberg assumindo a terceira colocação entre os eleitores registrados para a indicação democrata para 2020 depois de gastar milhões de dólares do próprio bolso em propaganda. O indicado do partido enfrentará Trump na eleição de novembro.

Bloomberg não participou do caucus do Iowa na segunda-feira e tampouco estará nas três outras primárias inaugurais, preferindo se concentrar nos Estados maiores e com mais delegados que começam a votar em março.

Somados a uma série de tuítes recentes desdenhando o “pequeno Mike”, os comentários de Trump indicam que ele está atento ao empresário bilionário e ex-prefeito nova-iorquino como rival em potencial com maior poder de fogo financeiro do que ele.

Seu filho, Donald Trump Jr., continuou com a provocação a respeito da altura de Bloomberg em um comício em Iowa na segunda-feira.

“Os insultos de Trump não me incomodam nada”, disse Bloomberg em um evento de campanha em uma universidade comunitária de Fresno, na Califórnia, no mesmo dia.

“Ele não me intimidará. Nunca recuei diante de um valentão nem fugi de uma briga.”

No domingo, a campanha de Bloomberg negou que ele pediu um caixote e debochou do “cabelo falso, da obesidade e do bronzeado de spray” do presidente.

Bloomberg mostrou uma campanha extremamente bem financiada em eventos em toda a Califórnia na segunda-feira. Com uma fortuna de ao menos cerca de 60 bilhões de dólares, ele é o único pré-candidato com fundos suficientes para iniciar uma campanha de eleição geral, enquanto seus 10 concorrentes se concentram nos quatro primeiros Estados a votar – Iowa, New Hampshire, Nevada e Carolina do Sul.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below