March 6, 2020 / 4:33 PM / 4 months ago

"Olhem além do véu", diz primeira parlamentar israelense a usar hijab

Iman Yassin Khatib, que se tornará a primeira parlamentar a usar hijab em Israel, durante entrevista a uma emissora de rádio em Nazaré 05/02/2020 REUTERS/Ammar Awad

NAZARÉ, Israel (Reuters) - Uma parlamentar muçulmana da minoria árabe de Israel vai se tornar a primeira no Parlamento a usar um hijab, ou lenço na cabeça, depois que os partidos árabes ganharam a maior representação de todos os tempos nas eleições desta semana.

Iman Yassin Khatib, de 55 anos, conquistou um lugar entre os 15 assentos da coalizão Lista Conjunta no Knesset, com 120 membros.

O partido atrai a maior parte dos votos da minoria árabe de 21% de Israel — que são palestinos por hereditariedade, mas israelenses por cidadania.

Antes de entrar na política nacional, a mãe de quatro filhos atuou como gerente de um centro comunitário na vila de Yafat an-Nasreh, na Galileia, nos arredores de Nazaré, onde Jesus cresceu.

“Não há como (o hijab) não atrair a atenção das pessoas. Mas o mais importante é o que está dentro: a capacidade e o potencial de promover nossa comunidade”, disse Khatib ao receber congratulações e posar para selfies em uma rua de Nazaré.

Khatib afirmou que, por algumas vezes, seu hijab provocou sentimentos anti-islâmicos em Israel, cuja população de nove milhões de habitantes é majoritariamente judia.

“Todo desafio que enfrentei na minha vida foi dificultado porque uso um hijab”, declarou ela, fazendo um pedido às pessoas: “olhem além do véu”.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below