for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Egito fecha mesquitas e igrejas por causa do coronavírus

CAIRO (Reuters) - O Egito ordenou neste sábado que mesquitas e igrejas fechem as portas em uma tentativa de limitar a disseminação do coronavírus, após pressão para que o governo seguisse os passos tomados por países vizinhos.

O Egito até agora registrou 285 casos confirmados de coronavírus, incluindo oito mortes.

Muitas pessoas nas redes sociais criticaram o governo por não cancelar as orações semanas de sexta-feira e missas nas quais os fiéis se aglomeram em mesquitas e igrejas.

O Ministério de Assuntos Religiosos afirmou que fecharia todas as mesquitas por duas semanas “pela necessidade de preservar as almas”, mas permitirá que elas transmitam orações por meio de alto-falantes.

O Egito tem mais de 100.000 mesquitas.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up