May 3, 2020 / 5:42 PM / 2 months ago

Reino Unido tinha plano de contingência caso Boris Johnson morresse de Covic-19, diz jornal

LONDRES (Reuters) - O governo britânico tinha um plano de contingência caso o primeiro-ministro Boris Johnson morresse enquanto lutava contra o coronavírus em uma UTI no mês passado, disse ele em uma entrevista ao jornal The Sun.

Johnson, 55, voltou ao trabalho na segunda-feira, um mês após ter testado positivo para Covid-19. Ele passou dez dias em isolamento em Downing Street antes de ser levado ao hospital St Thomas, em Londres, onde passou três noites sob cuidados intensivos.

“Eles tinham uma estratégia para lidar com um cenário similar à ‘morte de Stalin’”, teria dito Johnson, segundo a edição deste domingo do The Sun. “Foi um momento difícil, não vou negar.”

Johnson disse que, durante o período em que ficou em isolamento voluntário em Downing Street, ele ficou reticente em ir ao hospital.

“Estava em negação porque estava trabalhando e fazendo reuniões por vídeo”, ele disse. “Mas eu estava me sentindo bastante zonzo… Estava me sentindo acabado, não como se estivesse bêbado, mas sabe, bem mal.”

Por Guy Faulconbridge e Estelle Shirbon

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below