for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Paris proíbe manifestação prevista para ocorrer na Embaixada dos EUA por morte de Floyd

Manifestantes protestam contra racismo em Paris 02/06/2020 REUTERS/Gonzalo Fuentes

PARIS (Reuters) - A polícia francesa proibiu uma manifestação planejada para acontecer em frente à Embaixada dos Estados Unidos em Paris no sábado, enquanto protestos acontecem em todo o mundo pela morte de George Floyd em Mineápolis.

O departamento de polícia de Paris informou nesta sexta-feira que decidiu proibir as manifestações por causa dos riscos de desordem social e perigos para a saúde de grandes reuniões devido à pandemia do novo coronavírus.

Distúrbios ocorreram na quarta-feira em outra manifestação contra a polícia na capital francesa. Apesar da proibição do evento, milhares de pessoas compareceram em memória de Adama Traore, um francês negro de 24 anos que morreu em uma operação policial de 2016 em situação que alguns compararam à morte de Floyd.

Os protestos tomaram as ruas dos Estados Unidos após o assassinato de Floyd, um afro-americano de 46 anos que morreu após um policial branco ajoelhar-se sobre seu pescoço por quase nove minutos em Mineápolis em 25 de maio.

Por Henri-Pierre Andre e Sudip Kar-Gupta

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up